Linhas de apoio

Fizemos um levantamento das linhas de apoio psicológico e outras iniciativas na área da saúde mental. Criadas por todo o país por instituições públicas e sociedade civil, estão disponíveis para ouvir, esclarecer e o ajudar neste periodo.

Origem: RUTIS

Telefone amigo, alguém se preocupa consigo e vai lhe telefonar.

Origem: Governo e Ordem dos Psicólogos
Tem 63 psicólogos e pretende dar resposta a situações de “ansiedade, angústia e medo”, bem como “reforçar o sentimento de segurança da população e dos cuidadores”.

Contacto: 808 24 24 24

Origem: Sociedade Portuguesa de Psicanálise
A linha de apoio psicológico da Sociedade Portuguesa de Psicanálise é gratuita, confidencial e com cobertura nacional. A ideia é “ouvir, conter, devolver, para tranquilizar as pessoas”, que estão “muito aflitas e ansiosas com a situação que estamos a viver”. Disponíveis para ouvi-las estão cerca de 60 psicólogos, psicanalistas, psiquiatras e pedopsiquiatras.
Contacto:
300 051 920

Origem: Fundação Bissaya Barreto

Para minimizar os efeitos do isolamento, agravado pelos riscos da COVID 19, a que estão sujeitas as pessoas idosas, a Fundação Bissaya Barreto criou a Linha SOSolidão das 10 às 17 horas.

Contacto: 800 912 990

Origem: Santa Casa da Misericórdia de Lisboa
Não é uma linha de apoio psicológico, mas de uma plataforma a que qualquer pessoa pode aceder, de forma gratuita, e marcar uma consulta de psicologia por videochamada. O objetivo do projeto é “combater as dificuldades decorrentes do isolamento social e incerteza face ao futuro”, lê-se em comunicado.
Site:
https://acalma.online

RUTIS, Instituição de Utilidade Pública, www.rutis.pt, Rua Conde da Taipa, 40, 2080-068 Almeirim

© 2023 por ABC Programas Extra-Curriculares. Orgulhosamente criado com Wix.com